terça-feira, 21 de novembro de 2006

A Bela e o Monstro

Nada melhor como as histórias infantis, contos de fadas, para dar lições às mulherzinhas! Deixem-me falar-vos d'"A Bela e o Monstro"...há tantas por aí! Não, não me estou a referir ao facto de as mulheres serem belas e os homens autênticos "Frankenstein's" (e bom exemplo disso são os casalinhos de jogadores de futebol com top models e afins!). Quero referir-me ao facto de muitas queridas senhoras (onde eu me incluo) ainda continuarem a achar que se amarem muito um homem o podem tornar perfeito. Balelas senhoras! Mentira! Uma mentira tão grande como aquela em que dizemos que o que conta não é o tamanho mas sim o que se faz com ele! Pois, tá bem! Os homens não mudam! E nós também não! Não vamos achar que somos melhores porque não somos, na verdade somos até muito iguais. Sim, vão-me dizer que abdicam de muita coisa para os fazer felizes e blá, blá, blá...mas só o fazem para depois poderem fazer chantagem com isso. Digam lá se não é verdade!E não penso que estou para aqui a ser machista, muito pelo contrário. Ao escrever e pensar estas palavras estou a dar sermão em mim mesma porque também eu sou assim. Se pensarem bem até estou a ser bastante feminista; deixemos de ser hipócritas! Nem nós precisamos deles, nem eles de nós! Ninguém tem que mudar...estamos a esquecer-nos do que é realmente o AMOR. O amor não é obviamente perfeito, nem tem que o ser...mas para haver amor não temos que querer mudar o outro, porque se o mudarmos já não será o mesmo, será igual a nós e por mais egocêntricos que sejamos, talvez nem o Hitler quisesse ter outro igual a ele (a competição seria brutal!). Pensem nisto..mulheres e homens...