domingo, 25 de abril de 2010

Mantendo as respostas...

Realmente J., também tenho mais medo de um recém licenciado do que de um estagiário e olha que infelizmente até tenho essa experiência no meu serviço.
Preocupo-me com a formação da minha aluna, principalmente porque me preocupo com a minha formação e acima de tudo porque me preocupo com as pessoas que cuido. Adoro o que faço, não procuro que ela sinta o mesmo (se bem que seria importante que sentisse pelo menos algo parecido), mas enquanto estiver comigo espero que sinta que apesar das 10 macas no corredor adicionais aos restantes doentes em cama, fazemos a diferença porque prestamos bons cuidados em qualquer situação...
Isto hoje não está a fluir tão bem como eu gostaria. Trabalhar por turnos faz disto...