quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Gustavo Dudamel

Grande cromo! O maestro mais genial dos últimos tempos. Adorava ir ver à Gulbenkian (rezo por isso).